Todo mundo sabe que Neymar Jr. é atacante da Seleção Brasileira de futebol e jogador do Paris Saint-German. Mas o camisa 10 que representa o Brasil na Copa do Mundo 2018 coleciona algumas curiosidades nos esports. Além de ser jogador de CS:GO, o atleta do PSG já fez comemorações de gols em homenagem ao game. Neymar também é amigo de jogadores profissionais de Conter Strike: Global Offesinve, como Gabriel “FalleN” Toledo. Confira, a seguir, cinco fatos sobre o atleta nos esports.

Neymar é amigo de FalleN

O ex-santista é amigo de um dos maiores jogadores de CS:GO da atualidade, Gabriel “FalleN” Toledo. A amizade já rendeu jogatinas e torcida através de redes sociais, quando a SK Gaming disputou a ELEAGUE e recebeu o apoio de Neymar pelo Instagram. Os atletas brasileiros também já tiveram um encontro no campo de futebol: Neymar e FalleN jogaram no “Fome Só de Bola”, evento beneficente que também contou com Marcelo “coldzera” David.

Neymar tem mais de duas mil horas no CS:GO

Atualmente, não é possível saber a quantidade exata de horas jogadas por Neymar no CS:GO, já que o atleta tornou essas informações no Steam privadas. Apesar disso, os números antigos do atacante são impressionantes. Ao fim de 2017, o jogador contabilizava mais de 2600 horas de jogo, o que equivale a quase quatro meses seguidos no computador.

Neymar acompanha o cenário competitivo de CS:GO

Quem acha que o jogador do PSG só acompanha FalleN, coldzera e companhia está enganado. Recentemente, Neymar postou em seu Instagram que acompanhou a Fúria eSports no torneio que daria vaga para o Americas Minor do FACEIT Major.

Neymar tem skins caras no CS:GO

O acervo de skins do camisa 10 da Seleção Brasileira é grande, e inclui diversos itens StatTrak e uma Karambit | Sabedoria avaliada em R$ 1.099.

Neymar já comemorou gols da Seleção com referência ao CS:GO

{mo
... dule [57]}

Nas Eliminatórias da Copa, Neymar demonstrou o quanto gosta de CS:GO. O jogador comemorou seu gol contra o Uruguai simulando o lançamento de uma flashbang. E teve mais: contra o Paraguai, o atleta fez outro gol e foi até o corner direito, retirando a bandeirinha de escanteio e simulando o uso de uma AWP - arma imortalizada nas mãos do amigo FalleN.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo