Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019
Suporte Técnico em Informática na Grande Vitória: (27) 99996-2313

Fotos podem revelar informações complementares na forma dos arquivos chamados metadados: detalhes técnicos e de catalogação referentes a uma imagem, que permitem saber quando e onde a foto foi tirada, a partir de qual equipamento e etc. Embora sejam muito úteis para profissionais, e até para quem gosta de manter álbuns organizados, esses dados podem ser usados para expor a privacidade do usuário — além de dar a possíveis invasores algumas informações sensíveis de localização e instrumentos para que os seus hábitos sejam mapeados. Entenda o que é metadata e saiba como se proteger com fotos na Internet e redes sociais.
Segurança na nuvem: dicas para proteger seus arquivos online
Metadados são informações técnicas e de catálogo anexadas a arquivos de imagem (Foto: Caio Bersot/TechTudo) Aplicativo do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no celular
Metadata: o que é? Metadata, ou metadados, quando relacionados a imagens, são informações referentes à criação da foto, mais ou menos como as antigas anotações na parte de trás de fotografias de família. Essas ''etiquetas digitais'', também conhecidas como EXIF (Exchangeable image file format , ou Formato de Imagem Alterável em português), concentram informações como data e horário na qual a fotografia foi capturada, marca da câmera e até mesmo localização exata, via coordenadas de GPS, quando esse tipo de tecnologia está disponível no dispositivo usado. Outros dados são informações técnicas sobre a máquina, como distância focal, tipo de sensor, abertura, obturador e configurações de ISO. Entretanto, em geral, as informações mais sensíveis do ponto de vista da segurança e da privacidade são as de data, hora e local em que foto foi registrada.
Quais são os riscos? O problema dos metadados é o potencial que essas informações dão para que curiosos invadam a sua privacidade. Ao tirar uma foto de algo que deseja vender e publicar a imagem num site de vendas que não oculte esses dados ou oublicá-las em blogs, é possível de que criminosos acessem o EXIF para saber onde a foto foi tirada para tentar roubar o item, por exemplo. Outro problema é a possibilidade de que você seja rastreado. Com as informações de suas fotos, alguém pode acompanhar os lugares que você frequenta, seus hábitos e horários, descobrir seu endereço residencial e de trabalho, por exemplo.
Como ver os dados das suas fotos? No Windows 10, basta clicar em ''Propriedades'', com o botão direito do mouse, e em seguida, acessar a aba ...


>>> Veja o artigo completo no TechTudo