Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020

PES 2016 possui mais de mil jogadores brasileiros espalhados pelas ligas disponíveis no jogo. Seja no Brasileirão, em campeonatos europeus ou nas equipes “genéricas”, os atletas do Brasil marcam presença. Porém, o país não é só representado por craques como Neymar, Thiago Silva e William. Em ligas de menor expressão, é possível encontrar jogadores com níveis baixos. Confira a lista dos piores brasileiros disponíveis em PES 2016.

Leia a análise completa de Pro Evolution Soccer 2016 no TechTudo

F. Manuel

Mesmo com 29 anos, o zagueiro brasileiro que joga pelo Mrabspor parece não ter se desenvolvido para atuar na posição. Sem habilidades de desarme e marcação, ele é facilmente batido por qualquer atacante do jogo.

Manuel não desenvolveu bons atributos em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

Anderson

Meia do Sport Recife, Anderson figura entre os piores jogadores do game, com péssimos números em praticamente todos os atributos. Seja com passes, chutes ou apoiando a defesa, o brasileiro de 25 anos não ajuda sua equipe.

Meia do Sport é o segundo pior brasileiro de PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

O. Almada

Apesar de jogar no ataque e no meio, Almada carece de habilidade e faro de gol para exercer as funções, inclusive em times mais modestos. Seu físico frágil e pouca velocidade comprometem seu desempenho.

Almada tem péssimos números em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

R. Bethancourt

O volante do Trunecan tem apenas 22 anos de idade, mas não é exatamente uma promessa do futebol com suas habilidades em PES 2016. Apesar de bons passes em profundidade, o jogador decepciona em todos os fundamentos importantes para a posição.

Mesmo jovem Bethancourt não empolga em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

B. Teixeira

Experiente, o goleiro brasileiro já tem 32 anos, mas ainda não viu sua estrela brilhar em PES 2016. Com péssimos números para a posição, Teixeira é capaz de levar frangos com chutes ordinários e complicar seu time.

Experiente, o goleiro faz feio em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

R. Cerveira

Jogador do Bahia, Cerveira parece ter problemas graves em seus atributos. Com exceção de alguns números, todas as habilidades do jogador estão fixadas em 60, fazendo com que seu desempenho seja genérico.

... /Murilo Molina)" height="391" width="695">Atleta do Bahia tem status 'bugados' em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tecnologia no Android ou iPhone

A. Sanches

Mais um goleiro na lista dos piores brasileiros de PES 2016, Sanches se destaca por sofrer com lesões frequentes. Apesar de alguns números razoáveis, o brasileiro tem uma média fraca.

Sanches se lesiona com frequência em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

S. Gois

Meia do Mrabspor, o brasileiro Gois de 29 anos impressiona pela falta de qualidade nos variados atributos. Com exceção de passe curto e cabeceio, o jogador não justifica sua escalação nem mesmo em times fracos.

Gois não impressiona em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

Bruno Grassi

Atleta do Grêmio, o goleiro Bruno Grassi é o terceiro pior jogador de todo o Campeonato Brasileiro, com o baixíssimo nível 55. Grassi sofre até com os atributos mais básicos para um goleiro, como reflexos e salto, e promete fortes emoções para seus companheiros de equipe.

Goleiro do Grêmio sofre com atributos básicos em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

Jaílson

O arqueiro chegou ao Palmeiras para compor elenco, mas terminou não sendo utilizado na equipe e ficando fora até mesmo do banco de reserva em diversas oportunidades. Em PES 2016 a história não é diferente, já que Jaílson ostenta um dos piores números da liga.

Pouco aproveitado no Palmeiras, Jaílson também não brilha em PES 2016 (Foto: Reprodução/Murilo Molina)

Fifa 16 ou PES 2016: qual jogo será melhor? Comente no Fórum do TechTudo.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo