Domingo, 20 de Setembro de 2020

A Sony apresentou novos gadgets para a linha de música em alta definição – também chamada de “Hi-Res Audio” – durante a CES 2016, em Las Vegas, nos EUA. O Hear Go é uma caixa de som retangular; o Hear On é um fone de ouvido tradicional, daquele que abraça a orelha; e o Hear In, um intra-auricular que deve ficar em volta do pescoço. O TechTudo testou os dispositivos.

Acompanhe tudo o que está rolando na CES 2016 ao vivo

Para início de conversa, é bom notar que para tirar máximo proveito dos apetrechos de áudio, é necessário que as músicas estejam em formato de alta definição. A Sony adotou o padrão LDAC, uma tecnologia de codificação de áudio que alcança 990 kb/s – três vezes mais poderoso do que as músicas transmitidas pelo Bluetooth, por exemplo.

Download grátis do app do TechTudo: receba dicas e notícias de tech no Android ou iPhone

O Hear Go (modelo SRS-XB2), disponível em cinco cores, é a companhia perfeita para quem busca uma caixa de som capaz de reproduzir os graves das músicas pop que "bombam" nas rádios e nos serviços de streaming. Ele tem suporte nativo ao Google Cast (Google Play Música e Deezer funcionam com ele) e também ao Spotify Connect. A promessa é de 12 horas de autonomia de bateria, com a caixa de som fora da tomada.

Nos nossos testes – feitos com o Hear Go conectado aos mais recentes tocadores de música da icônica linha Walkman –, o dispositivo apresentou bom desempenho, sendo fiel na reprodução de variados estilos musicais. Só não pense que o Go substitui uma caixa de som mais robusta: até pelo seu tamanho, ele é capaz de reproduzir áudio que preencha um quarto ou mesmo uma sala pequena, mas pode decepcionar quem tem intenção de dar uma festa com ele.

Hear Go apresenta desempenho satisfatório (Foto: Thássius Veloso/ TechTudo)



A função Extra Bass, anunciada pela Sony para diversos produtos de áudio, faz com que as músicas repletas de graves fiquem ainda mais encorpadas. Depois de pressionar o botão físico, o dispositivo leva cerca de um segundo para fazer a troca da reprodução convencional para a reprodução otimizada de música.

Para quem quer ouvir música sem contagiar (para não dizer “incomodar”) os vizinhos, o fone de ouvido Hear On pode ser uma boa pedida. Parte do speaker é construído em titânio, um material mais sólido e resistente, de acordo com a fabricante, o que leva a menos distorções.

Hear On tem speaker feito de titânio (Foto: Thássius Veloso/ TechTudo)



O destaque mesmo vai para o cancelamento de ruído. O dispositivo realmente consegue abafar maior parte do som externo, conforme constatamos no breve teste realizado no espaço da Sony na CES. Caso preste atenção, o usuário ainda vai perceber algum ruído de fundo, mas as conversas ficam ininteligíveis. As canções têm o peso que o próprio artista pensou, com graves consistentes.

... ponente-conteudo"> Bateria do Hear On promete durar até 20 horas (Foto: Thássius Veloso/ TechTudo)


A bateria do Hear On dura até 20 horas, segundo a Sony. Ideal para voos longos, portanto. Ele funciona com conexão Bluetooth e é compatível com áudio em FLAC (sem perdas).

O que esperar da CES 2016? Confira no Fórum do TechTudo

Menção honrosa nesta matéria, o Hear In não pode ser testado no espaço da Sony. Ainda assim, as especificações são as seguintes: promessa de bateria com duração de nove horas; e recarga por meio da porta Micro USB. O desenho industrial, com a bateria em torno do pescoço e os fios do fone saindo dela continua sendo esquisitão. A Samsung adota design similar e também recebe críticas por causa disso – falta elegância.

 



>>> Veja o artigo completo no TechTudo