Terca-Feira, 01 de Dezembro de 2020

O preço cobrado por smartphones no Brasil disparou, a ponto de R$ 2 mil não serem mais suficientes para comprar os melhores celulares do mercado. O lado bom é que fabricantes como Samsung, Motorola e LG investiram pesado nos últimos anos, fazendo valer a pena investir nos tops de linha do ano anterior. Os smartphones agradam pelo design refinado, bateria gigante, corpo à prova d’água ou câmera com recursos dignos de profissionais.

Sete coisas para comprar com o valor de um iPhone 6S no Brasil

Se você não está disposto a investir nos tops de linha mais atuais, veja quais são os quatro melhores celulares à venda no Brasil na faixa entre R$ 1.501 e R$ 2 mil. Saiba o que eles têm a oferecer nesta matéria especial

Galaxy A7

Galaxy A7 tem processador quad-core e corpo metálico (Foto: Divulgação)

Os tops de linha da Samsung com design metálico custam mais de R$ 2 mil, mas opções como o Galaxy A7 mostram que a sul-coreana também pode adotar uma boa construção industrial em um aparelho intermediário.

O visual é o principal trunfo do A7, que tem um conjunto equilibrado de recursos para atender à maioria das necessidades do usuário comum, como câmeras de 13 MP e 5 MP, processador quad-core Snapdragon 615, memória interna de 16 GB e memória RAM de 2 GB.

Não se trata de um modelo com as especificações mais avançadas que a Samsung pode oferecer, mas tende a agradar fãs da marca que buscam fugir de modelos antigos, que contam com corpo de plástico. Seu ponto fraco está na pouca quantidade de RAM para uma versão do Android que é notadamente pesada. Ainda assim, não é o bastante para torná-lo uma má compra.

– Xperia Z3

Xperia Z3 é à prova d'água (Foto: Paulo Alves/TechTudo)

Quais são os cinco melhores smarts Android baratos? Descubra no Fórum do TechTudo.

O antigo top de linha da Sony permanece entre os melhores smartphones do mercado se você não estiver disposto a gastar mais de R$ 2 mil. Com ficha técnica muito parecida com a do seu sucessor, o mais caro Xperia Z3+ , o Z3 se destaca principalmente pela carcaça à prova d’água. Assim, o usuário pode filmar e tirar fotos dentro da piscina sem se preocupar com danos aos componentes internos. Outro ponto positivo é sua bateria, cujo desempenho ficou acima da média no review feito pelo TechTudo.

O hardware conta ainda com processador quad-core Snapdragon 801, memória RAM de 3 GB e modelos com memória interna de 16 GB ou 32 GB. O Xperia Z3 tem entrada para cartão de memória de até 128 GB.

Sua câmera também é de alta qualidade, com 20,7 MP e gravação de vídeos em 4K. Sua maior desvantagem está no alto aquecimento em tarefas pesadas, mas não deixa de ser uma boa opção considerando seu preço: em média R$ 1.800.

– Moto Maxx

... oto componente-conteudo"> Moto Maxx tem alta resistência e bateria de 40 horas (Foto: Lucas Mendes/TechTudo)

O Moto Maxx foi o top de linha da Motorola em 2014 e continua sendo uma aposta segura em 2015 se você deseja alto desempenho e, principalmente, bateria de longa duração. Com bateria de 3.900 mAh, mais do que qualquer um no mercado nacional, ele promete durar 40 horas longe da tomada, de acordo com a fabricante. A promessa da Motorola é de recarga rápida graças ao carregador Turbo.

Outras especificações de destaque são a tela Quad HD (1440 x 2560 pixels) de 5,2 polegadas e a memória interna de 64 GB, suficiente para qualquer usuário salvar apps e fotos. No interior, o Moto Maxx tem o quad-core Snapdragon 805, superior às versões encontradas no Z3 e A7, por exemplo.

Seu ponto fraco está na câmera, que não chega perto da qualidade oferecida pela linha atual da Motorola, mas que, ainda assim, oferece fotos de 21 MP e vídeos em 4k. Seu preço varia muito no comércio online, mas costuma ser encontrado por cerca de R$ 1.900.

– LG G4

LG G4 atrai pela câmera de alta qualidade, com modo manual (Foto: Luciana Maline/TechTudo)

O principal trunfo da quarta geração do top de linha da LG é a sua câmera, que é a melhor do mercado em diversos aspectos. Com um modo manual de dar inveja até para o poderoso iPhone 6S, ela oferece recursos dignos de DSLR, com controle granular sobre o sensor de 16 MP, resultando em fotos de alta qualidade em praticamente qualquer ambiente. Na frente, ainda há uma câmera de 8 megapixels para selfies, mais resolução do que outros modelos oferecem até na traseira.

E o aparelho não deixa de ser bonito, com traseira de couro ou cerâmica, e ainda oferece alta performance, com um processador hexa-core Snapdragon 808, 3 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento, que podem ser expandidos por microSD de até 128 GB. A tela é grande, com 5,5 polegadas e resolução Quad HD (1440 x 2560) e tecnologia Quantum, que reproduz mais cores do que displays IPS comuns, como o presente no anterior G3. Para comprar o modelo, o consumidor deverá desembolsar cerca de R$ 1.800 no comércio eletrônico.



>>> Veja o artigo completo no TechTudo